Look: Leitura no Parque

Oi Oi Gente (:

Não é do meu costume mas achei legal um post que eu vi e decidi postar aqui também!

Domingo de sol é ótimo para ir num parque ou algo assim para passear, descansar, relaxar e no meu caso para ler!

E fui assim! Apostei no regatão e bermuda com um sneaker confortável da Nike.

Guarda-chuva para o sol, rs, e tcharam. Livros ou não, lá vou eu!

SONY DSC

SONY DSC

SONY DSC

Eai, o que estão fazendo nesse domingão?

Xoxo

Assinatura

Moda Intuitiva • Cris Guerra

O primeiro contato que tive com essa ”tal” de Cris Guerra foi através do seu blog, Hoje Vou Assim. Que é onde ela liberta seus looks diários (:

Logo depois, tomei conhecimento de seu livro, o Moda Intuitiva, dito e feito. Após adquirido e devorado, foi o livro mais itinerante que eu tive até hoje. A Guerra consegue em suas falas capitar a moda que ninguém vê, geralmente. E isso desperta em todos a vontade de ler, tá aí o motivo de ele ser o livro que mais saí da minha estante.

cris-43653

#OLivro

O não manual de moda, digamos assim, te ensina em várias dicas a se desapegar as coleções prontas e as tendências feitas. Misture! Seja feliz! Você é seu próprio estilista,

slide1

faça do seu corpo sua vitrine e  ”venda” a sua marca para o mundo.

Muito bem escrito, Moda Intuitiva consegue quebrar seus conceitos em pontos fortalecidos da ”Moda Ditada”. Entre as melhores dicas que eu consegui aderir desse livro foi: fujir das vendedoras ”tendenciais”. Como diria no livro, finja que vai sacar o cartão de créditos da bolsa e saque uma arma!

Se o que você procura é:  um livro que te diga o que usar e tal estação. Um beijo, esse livro não é para você. Ou talvez seja, ele pode quebrar esse paradigma. Pois as dicas da Cris mostram a harmonia das cores, dicas uteis para não dar vexame em nenhuma ocasião, fala sobre os velhos e bons clássicos. Enfim, um livro de dicas e não um manual.

#ELáTambém

Além de todo esse trabalho com as roupas, ela mostra as suas características na busca pelo seu estilo. Tatuagens, alargadores, traços, temperamentos… E aborda temas inclusive ‘polêmicos’, como o “FUMAR NÃO É CHIQUE”.

Assim posso dizer que esse é um dos melhore livros que eu li este ano. E digo mais, todos deveriam ler esse livro. Ele é uma utilidade para a sanidade de muitas pessoas.

E para fechar: é um livro com uma dose de bom humor e um banho de autoestima!

 

XoXo, seus lindos.

Assinatura Blog

Com que gravata eu vou?

Há quem use gravata no dia a dia e há aqueles que guardam a peça no fundo do guarda-roupa para um eventual casamento ou formatura. Seja qual for o seu caso, é sempre importante saber a melhor forma de combiná-la.

A cor da gravata não tem que, necessariamente, combinar com a camisa e o terno. Tudo vai depender do seu estilo e da ocasião. Para eventos profissionais ou quando você optar pela discrição, escolha a peça em um tom próximo ao do terno e combine com uma camisa mais clara.

A camisa clara, aliás, é sempre uma boa opção para quando você estiver com pressa ou sem muita criatividade: sendo ela branca, você ficará bem com qualquer cor e estilo de gravata.

Para ousar, o acessório é a peça ideal. Mantenha a camisa clara e o terno preto ou cinza e combine com uma gravata com um tom mais forte. Amarelo e lilás são as cores do momento.

Uma aposta não tão fácil de acertar, mas que pode ser bem interessante, é compor o visual com camisa e gravata estampadas. Neste caso, uma das peças deve ter uma padronagem menor e a outra pode apresentar padrões maiores. Que tal experimentar?